top of page
  • Foto do escritorVetJr. UFMG

COMPORTAMENTO AGRESSIVO EM CÃES: CONTROLE EPREVENÇÃO



Com o processo de domesticação dos cães, os seres humanos passaram a considerá-los como animais de estimação e, consequentemente, a humanizá-los. No entanto, essa atitude tem feito com que muitos tutores negligenciem algumas necessidades básicas comportamentais da espécie canina, como exercício físico em quantidades e frequência adequadas e estímulos mentais ambientais e sociais que supram as necessidades dos animais.



A falta dessas atividades pode resultar em desvios comportamentais nos cães, incluindo a agressividade, o que pode representar um risco para a segurança das pessoas que convivem com o animal, com outros animais que entrem em contato com esse cão e até um risco para o próprio animal. Existem algumas técnicas de adestramento que podem auxiliar esse processo, como a dessensibilização, contracondicionamento e a técnica de extinção.


A dessensibilização é usada para tratar casos de medo ou agressão utilizando a apresentação do estímulo que provoca essa resposta indesejada no animal, como a presença de outro cão, em intensidades crescentes, ou seja, aproximando aos poucos os dois animais, associado com algum estímulo positivo, como a comida favorita do cão, até que o animal não responda mais de forma agressiva.

fonte: Portal do dog.


fonte: Cão Cibadão.

A técnica de contracondicionamento normalmente pode ser usada em casos de agressividade por medo, pois ela envolve a mudança emocional do animal em relação a algo não controlável por ele e é realizada de forma que mude seu comportamento agressivo para uma resposta mais calma e relaxada. Para isso ocorrer, pega-se o estímulo que provoca o comportamento indesejado, e une a um estímulo que seja prazeroso para o cão. Além disso, pode-se combinar a dessensibilização e o contracondicionamento.

fonte: VetPlus.

A técnica de extinção está relacionada à falta de reforço de um comportamento, que assim, tende a se extinguir. Visto que muitos tutores recompensam atitudes indesejadas de seus cães sem terem noção desse ato, como quando acaricia o cão após uma ação desagradável, é feito uma análise para reconhecer o reforçador do comportamento para assim retirá-lo e conseguir fazer a modificação comportamental.


Conclui-se que o comportamento agressivo pode ser tratado com a utilização de técnicas de reforço positivo, sendo necessária uma análise individual de cada caso para determinar a melhor técnica a ser utilizada, podendo também fazer a combinação de dois ou mais métodos.


Entretanto, a melhor maneira para evitar os comportamentos danosos é evitar que eles se iniciem e a VetJr. possui serviços que podem auxiliar na prevenção desse problema, como o enriquecimento ambiental. No enriquecimento ambiental, o ambiente é pensado e moldado para atender às necessidades cognitivas e instintivas dos cães a fim de que eles consigam expressar seus comportamentos naturais. Isso reduz o estresse, a ansiedade e aproxima o animal do tutor, diminuindo as chances de comportamentos prejudiciais.


Agora que você já se informou que a agressividade pode ser evitada, que tal contratar os nossos serviços? Para mais informações entre em contato com a gente.

Fonte: Doglicius.


Texto escrito por: Aline Andrade, Daniel Cravo e Thayná Ferreira.


Entre em contato conosco:

Email: pequenosanimais@vetjr.com

Celular VetJr.: 31 9 8292-716

224 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page