• VetJr. UFMG

Como aprimorar o canto da sua calopsita: entenda sua vocalização.


A calopsita, cientificamente conhecida como Nymphicus hollandicus, é uma das aves mais populares entre os brasileiros, sendo um dos pássaros de estimação mais procurados entre aqueles que buscam uma ave como pet. Com uma personalidade muito dócil, alegre e calorosa, as calopsitas chamam a atenção por serem animais muito inteligentes e possuírem habilidades de realizar pequenos truques, além de cantar e imitar sons repetitivos. Tais habilidades de vocalização despertam a curiosidade de muitos tutores que buscam aprimorar essa aptidão e, por isso, a VetJr. preparou esse texto para te ajudar.


O canto das calopsitas, diferentemente dos canários, não ocorre naturalmente, mas sim por conta de características comportamentais. Estes psitacídeos são capazes de repetir sons que ouvem com frequência, incluindo palavras, frases e até mesmo melodias. Por isso, para as calopsitas, não há muita diferença entre cantar ou falar, elas repetem o som segundo a entonação que escutam. É importante destacar que a habilidade de canto desses animais não acontece de uma hora para a outra, esse processo pode demorar bastante e, por isso, quanto mais jovem for sua ave, maior serão as chances dela cantar.


Antes de mais nada, para que seu animal aprenda a cantar e imitar sons, é preciso que ele esteja acostumado com você e sobretudo com o ambiente. Nesse sentido, é importante que se mantenha o contato diário com o animal, se aproximando da gaiola, oferecendo alimento, conversando suavemente com ele, essas atitudes transmitem segurança e conforto, o que facilita o ensinamento da vocalização.


Após o animal se acostumar com o ambiente e com o tutor, vamos a algumas breves dicas que podem ajudar no processo da calopsita aprender a cantar:

Interação diária: é extremamente importante que se mantenha o contato com a ave, seja ela na gaiola ou no seu dedo, demonstrar uma relação de carinho e intimidade pode aproximar e facilitar o processo de aprendizado;

Momento e melodia: para que o animal não se sinta exausto e não se estresse, é necessário escolher o momento ideal para se interagir e treinar os animais, deve-se priorizar quando eles estiverem calmos e dispostos à interação. Além disso, para começar o processo de aprendizado, uma melodia fácil deve ser escolhida, pois isso facilita a repetição pelo animal;

Paciência e respeito: o processo de aprendizado pelo animal pode demorar, por isso, é importante se ter paciência e nunca esquecer do treinamento diário. Além disso, o animal não deve ser sobrecarregado com os treinos, respeite o tempo e o momento da sua ave.


Portanto, para que o processo de aprendizado seja leve e saudável, oferecer carinho, conforto e atenção é indispensável. Caso você ainda tenha mais dúvidas quanto ao processo de aprendizado e vocalização das calopsitas ou o seu animal apresente um comportamento diferente, é importante que se consulte um médico veterinário.


A VetJr. pode auxiliar no estabelecimento de uma manejo nutricional, sanitário e reprodutivo eficaz, bem como no oferecimento de um enriquecimento ambiental adequado, visando o aumento do bem-estar animal e, consequentemente, facilitando o processo de aprendizado do canto. Ficou interessado? Entre em contato e conheça os nossos serviços.


Texto escrito por: Breno Lima.


Entre em contato conosco:

Email: vetjr.silvestres@gmail.com

Celular VetJr.: 31 9 8292-7161


9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo